segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Soja: na luta contra o cancro e colesterol



Originária da China e do Japão, a soja é uma das bases da alimentação de vários países asiáticos.

Pertence à família das fabáceas, a mesma das ervilhas, favas e feijão verde.

Em naturopatia, aconselha-se apenas o consumo de soja não geneticamente modificada, designação que é certificada por organismos independentes.

A genisteína, substância presente na soja, foi associada, em vários estudos, à diminuição do cancro da mama. Mais de 4500 estudos estão publicados sobre o efeito da genisteína, a maioria deles sobre as suas capacidades anticancerígenas, sendo que cerca 400 descrevem o seu mecanismo de ação ao nível das células tumorais. Um estudo em torno do cancro da próstata, realizado no Karmanos Cancer Institute, revelou que a soja, administrada simultaneamente com radioterapia, reduz os efeitos adversos a nível urinário, intestinal e disfunções sexuais.

Princípios ativos 

Aconselha-se o consumo de todos os componentes presentes no feijão. São de mencionar os efeitos das isoflavonas da soja, principalmente a genisteína e daidzeína, que já demonstraram inibir vários tipos de cancro. A lecitina de soja tem um efeito regulador sobre as artérias, redutor do colesterol e triglicéridos,  desintoxicante hepático e estimulante da atividade cerebral. As saponinas estimulam o sistema imunitário. Possui ainda uma proteína completa de alto valor biológico.


Principais propriedades 

Protege contra vários tipos de cancro (próstata, mama, útero, estômago, entre outros). Vários estudos confirmaram a proteção da soja no cancro da mama  devido à sua influência sobre os genes BRCA1 e BRCA2. Contudo, a maioria dos cancros da mama não apresenta qualquer mutação nestes genes, sendo causada por outros fatores.

Outras propriedades 

Promove a diminuição do colesterol e previne a aterosclerose. É útil em dietas e tratamento de alergias, como substituto do leite de vaca. Diminui os sintomas da menopausa e ajuda também no tratamento de patologias como a hipertrofia  benigna da próstata, o hirsutismo ou a alopecia. Aumenta a densidade mineral  óssea e previne o aparecimento de litíase (pedras) nos rins. É muito utilizada em suplementos para aumentar a massa muscular. Usada topicamente, atua contra as manchas causadas pelo sol.


Fonte: site Sapo saúde
Portanto, comece a incluir soja nas suas refeições!

Veja agora uma receita vegetariana muito simples com soja:

Salada com grãos de soja preta
Ingredientes


2 xícaras de soja preta em grãos
3 tomates 
1 pimentão verde 
1 pimentão amarelo 
1 cenoura média ralada 
2 cebolas médias 

Azeite de oliva extravirgem e vinagre de maçã para temperar
Gersal à gosto


Preparo
Deixar a soja de molho em água fria por cerca de 4 horas. Escorrer. Cozinhar em panela de pressão por 1 hora. Escorrer e deixar esfriar. Picar e misturar todos os ingredientes. Temperar com azeite de oliva extravirgem orgânico, vinagre e gersal. 


Rendimento: 10 porções   Valor calórico por porção: 183,29 Kcal



Reduza rugas com acupuntura e outras técnicas


Marcas de expressão podem ser amenizadas com técnicas orientais 


Rugas, não podemos negá-las, mas podemos atenuá-las, retardá-las e melhorar a nossa autoestima. As nossas marcas do tempo ocorrem pela perda de tonicidade, elasticidade e firmeza natural do passar dos anos e também em decorrência da nossa forma de lidar com a vida, tanto ao nível físico, mental, emocional e energético, como preocupação excessiva, desgaste energético, apatia, mal humor, raiva e stress.


As tradições orientais e ocidentais possuem formas diferentes de olhar as rugas, flacidez ou "imperfeições" da pele. Para o ocidental é um problema estético, para a tradição oriental é o reflexo do bem-estar e equilíbrio do Ser. As alterações na pele, como manchas, cor, marcas de expressão e rugas, são sinais de como o interior do organismo se encontra. Dessa forma, é necessário que o interior esteja equilibrado para que o reflexo no exterior também esteja.
Confira a seguir algumas técnicas orientais que ajudam a trazer esse equilíbrio de dentro para fora, atenuando as rugas e outras alterações na pele do rosto.


Drenagem Facial - técnica de massagem que ativa a circulação facial, elimina as toxinas e auxilia no aspecto de cansaço, reduz inchaços, edemas e descongestiona. Como a drenagem corporal, a drenagem facial trabalha o sistema linfático, eliminando as toxinas e estimulando a regeneração dos tecidos.


Acupuntura Facial - Da mesma forma que na Acupuntura tradicional, a aplicação de agulhas nos pontos do rosto estimula as energias naturais do corpo a se reequilibrarem. Eficaz principalmente para o relaxamento muscular do rosto e a conseqüente diminuição das marcas de expressão, além de uma maior qualidade e bem-estar que se refletem de forma positiva e significativa no rosto e na expressão.



Argila - tem um notável poder de absorção das energias mais densas e poder desintoxicante. A argila amarela tem propriedades clareadoras especiais e rejuvenescedoras. A argila verde tem ação tensora e realiza uma esfoliação natural, removendo o excesso de oleosidade. A argila branca torna a pele mais hidratada e macia. Apresenta ação tensora suave e pode ser usada em todos os tipos de pele, especialmente as tenham sido expostas ao sol ou agressões químicas.


terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Locais de imposição da mão no Reiki


Os locais da imposição das mãos no Reiki é um dos requisitos fundamentais para um bom Reikiano, é uma fonte de energia e equilíbrio, além de elevar a cada dia o nosso grau vibracional. Quando aplicamos Reiki em alguém também recebemos uma parte de energia para o nosso benefício e para nos manter conectados. Mas para uma real manutenção do nosso canal energético e para nos tratarmos, afinal reikianos são humanos cheios de problemas como qualquer um, devemos aplicar em nós o Reiki diariamente. As melhores partes do dia para isto são a manhã e a noite ao deitarmos, pois estamos relaxados e não precisamos “desconectar”.



Pêlos encravados: remédio caseiro

Uma boa forma de resolver o problema persistente de pêlos encravados é fazer uma pasta com três colheres de sopa de mel e uma colher de chá de canela em pó. Duas coisas que toda a gente tem em casa, não é? Aplique depois esta pasta sobre a zona com pêlos encravados antes de dormir, e de manhã remova com água morna. Este tratamento natural, se feito diariamente durante duas semanas tem o poder de remover os pêlos encravados desde a raiz! Experimente!

terça-feira, 17 de julho de 2012

Os benefícios de cada tipo de exercício físico


1. Cultivar jardins e cortar a relva

Para uma boa higiene mental e estímulo do bom humor, este método é
importantíssimo porque facilita a produção dos hormônios cerebrais
promotores da  satisfação de viver, como por exemplo a endorfina -
também chamada  "hormona da  alegria". O tempo destas actividades pode variar de 1 ahoras.



    2. Caminhadas ao ar livre ou marchas

Mesmo parecendo que o praticante está em busca do nada, o seu corpo recebe  lucros incalculáveis, principalmente porque as caminhadas de no mínimo  1 hora de  duração são aconselhadas aos cardíacos e neurastênicos.
Inicia-se com um  tempo  médio de 20 minutos, aumentando-se gradativamente de 5 em 5 minutos  até atingir  1 hora. O tempo final pode variar com a idade, capacidade e  disponibilidade do  exercitante.



    3. Natação

Não existe exercício completo. Mas a natação possibilita  movimentar a  maioria dos principais músculos do corpo. É aconselhada aos que sofrem de  asma e outras doenças respiratórias, assim como para aqueles que sofrem da coluna.



    4. Ciclismo

Para exercitar a musculatura das pernas e tórax é um ótimo  remédio,
de  preferência quando realizado sem grandes velocidades e em lugares
planos. O seu  tempo médio deve variar de 20 a 40 minutos por dia,
dependendo também  da  capacidade muscular.



    5. Ginástica abdominal

Os exercícios abdominais promovem o bem-estar dos órgãos digestivos,  combatendo a prisão de ventre. Contribuem para a eliminação dos  parasitas que  atacam o ser humano, graças aos estímulos peristálticos intensificados  neste  sistema. Fortalecem os demais órgãos vitais - rins, coração e pulmões. 



    6. Ginástica respiratória

 A ginástica respiratória, de acordo com o seu nome, fortalece o sistema  respiratório e o coração. Aumenta a oxigenação das células.
Contra  prisão de  ventre é um agente terapêutico eficaz por facilitar
os movimentos do  diafragma,  localizado no abdômen. Seu uso também é
apropriado para o início e  término de  outros tipos de exercícios menos suaves. Nestes casos, actua como  aquecedora  muscular e desaceleradora dos batimentos cardíacos. O tempo de duração  pode  variar de 5 a 10 minutos. Os movimentos devem ser feitos lentamente.


7. Exercícios para a coluna


Aos que sofrem de desvios da coluna como escoliose, lordose e
cifose, ou que  desejam prevenir-se contra outros males relacionados com
esta estrutura  óssea,  recomendamos diariamente os seguintes
exercícios, aprovados pelos  melhores  ortopedistas:

 1. Na posição indicada, contrair a musculatura da barriga e expelir
com força o  ar dos pulmões várias vezes.
 2. Dobrar alternadamente as pernas, com o auxílio das mãos, tentando
encostar o  joelho no tórax.
 3. Com as mãos apoiadas elevar os quadris.
 4. Sentado, curvar-se e comprimir a barriga.
 5. Apoiar as pernas em travesseiros e levantá-las alternadamente.
 6. Posição de descanso. Respire profunda e compassadamente. 


Importante: as dores na região da coluna podem ser amenizadas com  um
suco de  repolho, centrifugado ou liquidificado, uma hora antes do
almoço.  Usufruir dessa  terapia no máximo por 15 dias. Aplicar também
compressas mornas com  chá de  folhas de abacateiro durante 15 minutos por dia no mínimo. 

A magia do mel

O mel possui muitos valores medicinais. Podemos citar, entre eles:
diurético,  laxante, expectorante, energético, anti-séptico, emoliente e
tônico.

Insónia
Para combater insónia, é importante tomar 1 chávena de água com 1
colher de  mel, 30 minutos antes de deitar. Esta receita também se destina
a combater a  prisão de  ventre crónica.

Pele
Aquecer o mel e aplicá-lo na pele, numa temperatura
suportável,  é muito útil contra abscessos, furúnculos e tumores em
geral.
Nos casos de queimaduras, ferimentos ou contusões, pode-se
utilizá-lo,  misturado com farinha de trigo ou agregado a uma porção de
argila com  água. A  mesma indicação terapêutica pode ser usada para
combater dores  ciáticas.

Conjuntivite
As suas funções anti-sépticas são importantes não somente nos casos  de
bactérias e outros microorganismos que vivem no meio interior do  corpo,
como  também para os que se alojam na parte exterior. Exemplo: para
combater  conjuntivites causadas por microorganismos, basta aplicar nas pálpebras uma  solução de água melada, de 2 a 3 vezes ao dia.

Garganta
Em caso de irritação ou inflamação da garganta, é recomendável
fazer  gargarejos com água e mel.
As aftas podem ser eliminadas com bochechos  diários  de água, mel e limão.


Anemia
As anemias mais terríveis também podem ser combatidas pelo uso de mel na  alimentação, em substituição ao açúcar. Neste caso, usar 2 ou 3 colheres de  mel por dia também é muito importante. 
As famosas gemadas, para  aqueles que  utilizam e gostam de ovos, são mais
medicinais sendo adoçadas com mel.
Aos que praticam desporto, ainda que ocasionalmente, meio copo de
água com  mel antes do esforço físico  e meio copo logo após dá-lhes energia.



Experiência científica
Certa ocasião um médico bacteriologista resolveu provar as  virtudes bactericidas do mel. Não passava por sua mente que este "açúcar" da Natureza  pudesse impedir a proliferação de bactérias. Estando em seu laboratório, colocou  mel em lâminas diferentes e misturou as porções com culturas  diferentes de  parasitas. Para sua surpresa, os germes da febre tifóide morreram em  48 horas.  Um grupo causador de broncopneumonia morreu após 4 dias. E outros  causadores de  disenteria padeceram em 10 horas. Estas são apenas três citações da  experiência que o Dr. W. G. Sackett realizou .

domingo, 8 de julho de 2012

Florais da incerteza e da insegurança



CERATO
Negativo: decide, mas duvida de sua decisão, busca conselho e confirmação dos outros.
Positivo: confiar na voz interior ou intuição. 

SCLERANTHUS
Negativo: indecisão entre duas situações.
Positivo: se decidir perante as situações e perante a vida (posicionar-se).
GENTIAN
Negativo: desânimo após uma causa conhecida perdeu a Fé.
Positivo: confiar na providência Divina que nos protege e abre as portas para nossa vida, Fé no Divino, ânimo para vencer os obstáculos.
GORSE
Negativo: falta de esperança e "desistiu de lutar".
Positivo: esperança, ânimo para retomar a luta pela vida.
HORNBEAM
Negativo: preguiça da "segunda feira de manhã", insegurança na sua energia de realização do trabalho, mas tem energia para o prazer.
Positivo: ânimo e confiança para realização das atividades do cotidiano, do dia a dia, rotina.
WILD OAT
Negativo: incerteza sobre qual direção seguir na vida, falta de propósito, estar perdido.
Positivo: firmeza, de propósito, direção na vida, definir profissão, clarear e direcionar as metas de vida.

Florais do medo



 
MIMULUS
Negativo: medo das coisas conhecidas e timidez.
Positivo: coragem para sermos nós mesmos, coragem para enfrentarmos o que tememos; espontaneidade para se colocar.
 
ROCK ROSE
Negativo: terror e pânico.
Positivo: coragem heróica, coragem de vida para enfrentar a morte, resgate.
 
CHERRY PLUM
Negativo: medo de perder o controle físico, mental e emocional.
Positivo: auto controle físico, emocional e mental, clarear os sentimentos em conflito.
 

ASPEN
Negativo: medos e preocupações de origem desconhecidas, presságios e pressentimentos indefinidos.
Positivo: coragem para viver o novo com alegria e confiança, desvelar ou clarear o que está inconsciente.

RED CHESTNUT
Negativo: medo ou preocupação que aconteça algo de ruim com os seres queridos.
Positivo: pensamento positivo e protetor para nossos seres queridos.

Florais de Bach: o que são?


Os Florais de Bach são 38 essências à base de flores e plantas preparados homeopáticamente, usados para tratar cada um, uma sensação diferente.


O Dr. Bach viu que eram os estados emocionais que originavam as doenças ou as agravavam.
Assim ele dedicou-se a identificar as plantas que melhoravam e ou corrigiam esses estados de espirito de forma a levar a pessoa a sentir-se melhor para que assim o seu corpo tivesse mais energia e capacidade para combater a doença.

Ele verificou que de nada adiantava tratar o corpo sem tratar os estados de espirito da pessoa.
Para tratar o corpo torna-se necessário que a pessoa modifique o seu estado de espirito em relação à doença e em relação à vida pois a doença não é mais do que o resultado da maneira como a pessoa vê e aceita o mundo à sua volta.

Assim as essências florais do Dr. Bach procuram melhorar os diversos estados de espirito e ajudar-nos a ver o mundo que nos rodeia de uma maneira mais positiva por forma a nos ajudar a evitar ou a combater doenças.


Estas essências estimulam a capacidade que o corpo possui para se curar a si mesmo, através do equilíbrio das sensações negativas auxiliando a pessoa a ter mais autocontrole, a sentir-se bem consigo mesma e a usufruir daquilo que a vida lhe oferece de bom.


As essências Florais de Bach são únicas, simples de usar, não têm qualquer contra-indicação, não interferem com qualquer remédio convencional nem alternativo e podem ser tomadas por qualquer pessoa, criança, animal ou planta.

Como tudo começou 
O Dr. Bach foi um médico inglês que trabalhou como bacteriologista num hospital de Londres na criação e desenvolvimento de vacinas orais.
Apesar dos seus êxitos ficou desiludido com a medicina ortodoxa que acabou por abandonar indo morar para uma floresta de Gales onde viria a desenvolver o seu trabalho.
A sua grande sensibilidade permitia-lhe sentir as energias transmitidas pelas flores através de um simples toque.

Ele verificou que algumas plantas tinham a capacidade de anular os sentimentos e sensações negativas e assim criou aquilo que hoje se conhece como os Florais de Bach.

O Dr. Bach viu que toda a doença resultava de desarmonia entre os aspectos espirituais e mentais do ser humano e que essa desarmonia se devia a estados de ânimo conflitantes que produziam infelicidade, tortura mental, medo, cansaço, submissão, etc. que diminuíam a vitalidade do organismo e permitiam o aparecimento da doença.


Por este motivo ele preparou remédios para tratar o estado de ânimo e de temperamento do paciente e não a sua doença física que é o resultado de falta de vitalidade do corpo e de conflitos mentais e emocionais.

Assim à medida que a pessoa voltasse a ser quem realmente era, a sua vitalidade era aumentada e podia usar a sua própria força e paz interior para restaurar a sua saúde.
Estas essências harmonizam e equilibram a personalidade, reagindo contra estados de ânimo negativos como, irritação, medo, sentimentos de culpa, etc. que o Dr. Bach considerava serem a causa real das doenças e da infelicidade.

"O sofrimento é mensageiro de uma lição, a alma envia a doença para nos corrigir e nos colocar no nosso caminho novamente. O mal nada mais é do que o bem fora do lugar". Dr. Edward Bach

O poder das cores

Alguma vez na vida você ouviu dizer que as cores vermelho e amarelo do McDonalds foram escolhidas propositadamente porque a combinação tem o poder de estimular o nosso apetite?

Na publicidade, as cores já vêm sendo usadas pelos mais espertos. Uma boa propaganda que enche os olhos e estimula  os nossos desejos com certeza que vence a concorrência!

No entanto, a cromoterapia tem sido usada sobretudo para reestabelecer o equilíbrio e a harmonia do corpo, da mente e emoções, com o objectivo de curar diversas disfunções do organismo. 

No tratamento com a Cromoterapia pode-se utilizar várias técnicas como fonte de cura ou harmonização: luz do espectro solar, luz de lâmpadas coloridas, alimentação natural, mentalização das cores e ainda contacto com a natureza.






Uma cor é a sensação produzida pelo nosso cérebro quando os olhos são estimulados por ondas de luz de determinado comprimento de onda. Ou seja, a cada cor corresponde um comprimento de onda diferente, desencadeando processos distintos. De uma forma geral, podemos dizer que quanto mais curto for o comprimento de onda mais relaxante será o efeito. Por outro lado, comprimentos de onda mais longos resultam em sensações de maior excitação.
As cores frias como o azul e o verde são as de comprimento de onda mais curto e as quantes como o vermelho e o laranja são as de comprimento de onda mais longo.


Propriedades de cada cor:

Vermelho - Efeito vitalizante, excitante, estimulante. Fortalece o sangue, melhora a circulação, previne a anemia e eleva a temperatura do corpo. Combate a depressão e, em excesso, pode causar irritação e aumento da tensão nervosa.

Laranja - Estimula o sistema nervoso e promove a alegria. Fortalece as funções mentais, aumenta a energia física e dissipa o desânimo. Combate a insegurança e a falta de vontade. É eficaz no tratamento de doenças como a epilepsia, as doenças respiratórias e as inflamações.

Amarelo - Desperta as faculdades mentais, ajuda a dominar o sistema nervoso, promove o otimismo e favorece a criatividade e o raciocínio. É usado no tratamento de problemas digestivos.

Verde - Promove o equilíbrio, a harmonia e a serenidade. Tem um efeito refrescante e tranquilizador, promovendo a sensação de confiança e segurança. É utilizado no tratamento de doenças cardíacas e circulatórias.

Azul - Efeito relaxante e apaziguador. Elimina a sensação de angústia e as perturbações nervosas, tendo um efeito sedativo, anti-séptico e é usado para aliviar cortes e queimaduras, para além de ser usado no tratamento de doenças da garganta e dos olhos.

Anil - Promove a elevação da mente e está ligado à beleza e à arte. É utilizado como anestésico e como calmante em estados de grande ansiedade ou excitação. É eficaz no tratamento de inflamações, dores (efeito analgésico) e doenças dos pulmões.

Violeta - Efeito benéfico sobre os nervos, promove a sensação de liberdade e combate as neuroses. Combate doenças dermatológicas e desintoxica o organismo. Promove a saúde de todas as células e tecidos.

Branco - Não é uma cor, mas sim a reunião de todas as cores. A cor branca é a luz emitida pelas superfícies que reflectem todas as cores. Ao receber luz branca, o organismo liberta todas as vibrações pesadas e negativas provenientes das doenças.

Preto - É a ausência de cor. Preto é o que vemos quando uma superfície absorve todas as cores e não reflecte nenhuma. Não deve ser usada, uma vez que gera desarmonia e energias negativas.

Os tratamentos baseiam-se na exposição a uma cor por:
  • emissão de raios de cor sobre o corpo;
  • projector de slides com gelatinas coloridas;
  • uso de cores na decoração ou vestuário;
  • ingestão de água colorida.